9 Coisas que você precisa saber sobre o Japão antes de imigrar

Impressione-se com os costumes japoneses!

Imigrar para outro país é algo que reúne inúmeras mudanças, dentre elas as adaptações com a nova cultura podem ser as mais difíceis, porém as mais enriquecedoras. E para você que está pensando em fixar residência do outro lado do mundo… Por meio de uma pesquisa, com base na experiência de pessoas que moram na “terra do sol nascente”, neste artigo falaremos sobre 9 coisas que você precisa saber sobre o Japão  e que farão a diferença na hora de encarar essa nova etapa da sua vida!

Antes de imigrar, tem algumas coisas que você precisa saber sobre o Japão.

Por mais que você fale bem o inglês, terá que lidar com a língua local. (Foto: Divulgação)

9 Coisas que você precisa saber sobre o Japão

1 – Você vai ter que lidar com o idioma japonês!

Essa dica pode até parecer uma pouco óbvia, entretanto é muito comum que as pessoas achem que basta ter um inglês fluente para poder viver no  Japão; talvez por um tempo, e se você residir em alguma metrópole como Tóquio.  Segundo a vlogueira e ex- jornalista da revista Capricho, Karol Pinheiro, o seu maior impacto ao chegar nesse país foi perceber o ponto de interrogação na cara dos japoneses quando a mesma tentava se comunicar utilizando o inglês.

2 – A pontualidade dos transportes públicos

Se você achava que a pontualidade era uma característica relevante apenas na cultura britânica, saiba que a japonesa também não foge disso. Por isso, ao chegar ao Japão esteja preparado para lidar com inúmeros transportes públicos que são extremamente pontuais. Isso quer dizer que se um ônibus saí às 15h34, procure não chegar as 15h35!

3 – Sinalização ao som de passarinhos

Com certeza, essa curiosidade irá surpreender você! Se durante os seus passeios no Japão você perceber um som constante de passarinhos cantando, parecendo até que eles são treinados, é bom atentar-se ao farol. Não entendeu? Isso se deve pelo fato de que quando o sinal verde é acionado, permitindo que os pedestres atravessem a rua, o mesmo emite um som de passarinho. O motivo, não sabemos ao certo, contudo, é bem provável que essa iniciativa esteja atrelada a facilitar a locomoção de pessoas cegas, já que ao ficar vermelho o sinal para de emitir tal som.

4 – Guardanapo molhado

No Brasil é muito comum que os guardanapos estejam presentes na mesa dos restaurantes. Porém, no Japão a coisa é diferente. Ao chegar a um restaurante japonês o único contato com o guardanapo será na entrada, em que os garçons o oferecem para que você limpe as suas mãos antes da refeição. Além disso, não se assuste caso o guardanapo esteja molhado, pois é exatamente dessa forma que eles são distribuídos para os clientes.

5 – Não dê gorjetas

Ao terminar a refeição em um restaurante, jamais deixe gorjeta. (Foto: Divulgação)

Aproveitando o gancho da curiosidade número quatro, saiba que diferente do Brasil, a reação dos garçons ao receberem uma gorjeta não será das melhores.  Uma vez que esse tipo de comportamento é considerado uma ofensa nesse país.  A razão disso está atrelada a filosofia de vida japonesa, que não se deve ganhar a mais por um serviço que já se ganha o suficiente para viver. É válido lembrar que a isenção das gorjetas vale para outros tipos de atendimentos como hotéis e taxis.

6 – É falta de educação andar na escada rolante do lado direito!

No Brasil, principalmente em cidades grandes como São Paulo, é comum que algum lado da escada rolante seja destinado para locomoção de pessoas que estão com pressa. Já no Japão isso é mais que comum, sendo também uma lei. Logo, se você estiver em uma escada rolante e quiser ficar parado até chegar ao fim, saiba que o lado certo é o lado direito.

7 – Depois de comer não coloque nada em cima do prato

Quando vamos à alguma padaria, lanchonete ou restaurante aqui no Brasil é normal que, depois da refeição, guardanapos de papéis , garfos, copos ou xícaras sejam colocados em cima do prato. Porém, ao comer em qualquer restaurante japonês nunca coloque nada e sobre o prato, já que isso significa que você não gostou da refeição.

8 – As pessoas não tocam no seu dinheiro ou cartão de crédito

Os japoneses nunca irão tocar no seu dinheiro ou cartão de crédito. Sendo assim, ao realizar alguma compra no Japão, não se espante se o caixa  der uma cestinha para que você coloque ali o seu pagamento.

9 – As portas dos taxis abrem e fecham sozinhas

O Japão é conhecido por ser um país de tradição milenar, porém, como sabemos, no quesito tecnologia essa nação também não deixa a desejar. Uma prova disso é que, ao pegar um taxi nesse país não se espante caso a porta abra ou feche sozinha, uma vez que boa parte dos veículos utilizam dispositivos que acionam esse efeito. Logo, fechar a porta de um taxi, por exemplo, é o tipo de atitude que não deixa os taxistas muito contentes.

O que você achou sobre as 9 coisas que você precisa saber sobre o Japão? Acha que este artigo foi útil para entender um pouco sobre a cultura desse país?

Compartilhe com a gente a sua opinião e acompanhe este portal!

Comente