Conheça as 10 cidades mais baratas da Inglaterra para viver

Londres é conhecida como uma das cidades mais caras do mundo para se viver. Porém, este país tem cidades incríveis e mais acessíveis que não deixam nada a desejar à capital Inglesa. Conheça 10 opções de cidades mais baratas da Inglaterra para viver e comece a planejar sua mudança.

Você gosta de tranquilidade e morar perto de tudo? O interior é o seu lugar. Além de ser uma ótima maneira de ter mais qualidade de vida e economizar algumas libras. Se você tem preferência por cidades mais badaladas, a Inglaterra tem opções mais baratas do que Londres, entretanto, com opções semelhantes em entretenimento.

É comum que depois de um tempo morando na capital, as pessoas busquem por oportunidades de morar em cidades menores e mais calmas. Isso acontece pelo esgotamento que é viver numa metrópole cosmopolita da dimensão de Londres.

Vale ressaltar que gastar mais ou menos é uma questão relativa. O estilo de vida, bem como os hábitos de consumo são fatores que determinam quanto dinheiro vai ser gasto no mês.

Se vai morar sozinho em família? Vai escolher residir na região central ou em bairros mais distantes? Tudo isso implica na questão econômica. Mas, é possível fazer uma boa economia escolhendo uma cidade que combine com seu jeito de viver e que não tenha um custo de vida exorbitante.

Cidades mais baratas da Inglaterra para morar

1 – Liverpool

Liverpool é uma das cidades mais baratas para se viver na Inglaterra.
Liverpool

No quesito moradia, estima-se que se gasta metade do valor quando comparado a Londres.

A cidade dos Beatles é referência em cultura, esporte, lazer, educação.
Liverpool é um dos destinos preferidos dos Brasileiros por ser uma das cidades mais baratas da Inglaterra. Além de obter um forte polo estudantil.
Morar nesta cidade é uma ótima opção para quem quer trabalhar e estudar em solo inglês.

É possível pagar em média 500 a 800 libras no aluguel de uma casa de 2 a 3 quartos que seja afastada centro. Para quem prefere morar na região central, o aluguel de um apartamento com 1 quarto poderá custar entre 550 a 890 libras, enquanto um apartamento com as mesmas características pode custar a metade do preço em um bairro mais afastado.

Gastos com água, luz e internet pode sair por 100 libras. Mas, isso depende dos hábitos de cada um. Para quem é fã de esportes, a mensalidade de uma academia poderá custar entre 20 a 45 libras. E o passe único mensal tem a média de 65 libras.

Liverpool possui cerca 500 mil habitantes. É a cidade ideal para quem prefere viver em lugares mais agitados e com bastante jovens.

2 – Bournemouth

Quer economizar e morar perto do mar? Bournemouth é de longe a melhor opção.
Assim como Liverpool, os gastos em comparação a Londres caem pela metade e a cidade oferece inúmeras opções de lazer à beira mar.

Alugar um apartamento de 1 quarto pode sair por 650 libras até mesmo em bairros mais próximos do centro. É verdade que os salários no interior são mais baixos em comparação as metrópoles. Porém, grande parte dos gastos acompanham esse indicador.

Uma pessoa pode gastar com alimentação apenas 20 libras por semana se optar por fazer compras no supermercado e cozinhar em casa. O valor do passe único mensal pode sair por 50 libras.  

Por ser uma cidade pequena com apenas 163 mil habitantes, além de economizar com aluguel e alimentação é possível não gastar nada com transporte. São boas as chances de você morar perto do trabalho e poder ir andando ou até mesmo de bicicleta. O que é algo muito comum nas cidades do interior.

3 – Cambridge

Se sua intenção é morar perto de Londres, essa é a cidade ideal para você. Localizada a apenas 80 Km de distância de Londres, é uma das cidades mais antigas da Europa. Cambridge é conhecida também por ser sede de uma das melhores universidades do mundo (Universidade de Cambridge).

Um apartamento de um quarto que não seja na região central vai custar entre 750 até 800 libras. No centro, um apartamento parecido pode chegar a 900 ou mais.

Despesas com água, eletricidade, gás poderá custar uma média de 75 libras. O transporte pode ser um ponto chave de economia, pois boa parte da cidade pode ser percorrida a pé ou de bicicleta.

Se você não se importar em dividir casas ou apartamentos com outras pessoas poderá economizar ainda mais, uma vez que, o gasto mensal já incluindo alimentação, aluguel, energia, água, internet e impostos poderá ficar entre 600 e 650 libras.

4 – Birmingham

Birminghan é segunda maior cidade da Inglaterra com mais de 1 milhão de habitantes. Essa cidade é perfeita para quem gosta de muitas opções de entretenimento como festivais, museus, galerias e muito mais.

Morar em cidades maiores é vantajoso quando se trata de mercado profissional. Afinal, é mais fácil encontrar um emprego quando comparado a cidades menores. A média de salário em Birminghan pode variar entre 1300 a 1650 libras.

Alugar um apartamento de 1 quarto no centro custará entre 500 e 750 libras. Se você quer economizar ainda mais, a saída é procurar morar em bairros mais distantes. Alugar um apartamento de 1 quarto fora do centro ficará entre 350 e 500 libras.

O passe mensal ilimitado poderá custar até 60 libras. E as despesas básicas com energia, água, gás são relativas, mas em média 100 a 130 libras pode ser suficiente.

5 – Nottingham

Com 285 mil habitantes, a cidade fica apenas a 2 horas de Londres e é conhecida por sua agitação noturna. Morar em Nottingham é economia na certa!
O custo total de viver nesta cidade pode chegar a 900 libras mensais. Neste valor está incluído o aluguel, alimentação e transporte.

Almoçar num restaurante pode custar apenas 10 libras. Se o local escolhido for uma rede de fast food o valor poderá cair pela metade.

Alugar um apartamento de 1 quarto na área central da cidade ficará na média de 450 a 700 libras. O transporte poderá sair entre 50 a 60 libras no mês. O valor investido em telefonia móvel costuma ser mais baratos do que nas demais cidades da Inglaterra.

6 – Manchester

A cidade é perfeita para quem pretende trabalhar e estudar em terras Inglesas.
Com mais de 500 mil de habitantes, esse é um destino procurado por estudantes de todo o mundo. Manchester detém de um centro econômico potente e isso contribui para que não faltem oportunidades de emprego.

Já percebemos que economizar na Inglaterra implica em morar longe do centro, logo o preço do transporte importa e muito na hora de escolher o seu endereço. Em Manchester, o passe único custará 65 libras.

Um Apartamento pequeno que esteja localizado no centro poderá custar entre 600 e 900 libras. Enquanto em bairros mais afastados pode ficar entre 400 e 695 libras. Apartamentos de até 3 quartos fora do centro custará entre 600 até 1000 libras.

Manchester não é uma das cidades mais baratas desta lista, porém com uma boa procura é possível gastar pouco e viver bem nesta cidade.

7 – Sheffield

Pacata e segura, Sheffield é a sexta cidade inglesa mais populosa. A cidade é conhecida como uma das localidades mais verdes da Inglaterra.

O custo de vida nessa cidade do norte é de em média 600 libras mensais por pessoa. Já o índice de salário pode ser de até 1600 libras.

Alugar um apartamento de 1 quarto no centro pode custar entre 500 até 650 libras. Um apartamento parecido, mas afastado do centro ficará entre 390 a 560 libras.
O passe único custa em média 55 libras.

8 – Wigan

A cidade de Wigan fica localizada ao noroeste da Inglaterra, região metropolitana da Grande Manchester. Com população pouco superior a 80 mil habitantes, essa cidade tem a fama de ser um dos lugares mais baratos para morar na Inglaterra. Estima-se que o gasto mensal fique em torno de 1.300 libras ou até menos.

O valor do aluguel contribui para essa média. Custa em média 450 libras alugar uma casa em Wigan, enquanto o valor para comprar um imóvel gira em torno de 130 mil libras.

9 – Bradford

Bradford já foi conhecida como a “capital mundial da lã”.
A cidade conta mais de 400 mil habitantes está localizada no norte da Inglaterra no distrito metropolitano de West Yorkshire. A cidade foi reconhecida pela UNESCO como a “Cidade do Filme”.

Um apartamento de 1 quarto poderá custar uma média de 430 libras. O gasto mensal para se viver em Bradford, assim como Wigan, fica em média 1.300 libras.

A média de salários fica entre 1.300 a 1.500 libras. Mas, isso depende da função e de quantas horas vocês irá trabalhar.

A cidade conta com diversas opções de lazer, como museus e galerias. Os preços dos supermercados também são acessíveis para quem prefere cozinhar em casa.

10 – Southampton

População superior a 200 mil habitantes, a cidade portuária é famosa por ter sido o ponto de partida do Titanic. Inclusive, existe um museu em Southampton dedicado a contar a história do navio e de seus passageiros.

Um apartamento de 3 quartos pode custar entre 900 a 1200, enquanto o apartamento de 1 quarto fora do centro pode custar entre 450 a 750. O passe mensal pode custar 45 libras no mês.

O que achou das cidades mais baratas para viver na Inglaterra? Deixe um comentá

Comente